São Paulo – O Instituto Guimarães Rosa, em Beirute, no Líbano, inaugura nesta quinta-feira (11) uma exposição com as obras selecionadas pelo Prêmio de Arte “Tripoli Fair: The Way I See It”, realizado para conscientizar sobre a importância da conservação da feira projetada pelo arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer. A abertura ocorrerá das 18h às 21h, e a exposição ficará em cartaz até 31 de julho, com entrada gratuita.

A Embaixada do Brasil no Líbano e o Instituto Guimarães Rosa em Beirute trazem a Beirute as 20 melhores obras selecionadas pelo prêmio que compõem a exposição, que já foi realizada em Trípoli. O Instituto Guimarães Rosa é uma agência do governo brasileiro dedicada à diplomacia cultural e educacional.

HELP de Pietro Bassil, uma das obras selecionadas para a exposição

A Feira Internacional Rachid Karami, ou Feira de Trípoli, projetada por Niemeyer, ocupa um local de 70 hectares. O edifício principal consiste em um enorme salão coberto em forma de bumerangue, um espaço flexível para os países instalarem exposições. Foi o projeto principal da política de modernização do Líbano na década de 1960. Foi listado como Patrimônio Mundial em Perigo pela UNESCO em 2023.

Para descobrir o que os jovens pensam sobre a Feira de Trípoli, como eles a utilizam e o que eles fazem do contraste entre o projeto idealista, o presente ameaçado e os futuros potenciais da Feira, os organizadores lançaram o Prêmio de Arte “Feira de Trípoli: The Way I See It” em 2023.

Os artistas

Mais de 180 inscrições foram recebidas de libaneses e pessoas que vivem no Líbano com idades entre 18 e 35 anos.

Três artistas vencedores receberam um prêmio de USD 1.000 cada: Ieva Saudargaite Douaihi, Mariam Maaliki e Mohamad Alamin Younis. Os outros artistas cujos trabalhos foram selecionados e farão parte da exposição são Anass Joudaydeh, Bachira El Aref, Carl Bilen, Diego Castro Alvarez, Lara Abi Saber, Leila Charafeddine, Malek Halwany, Mohamad Beirouty, Mohamad Tartoussi, Najib Sakr, Nizar Maaliki, Nour Maaliki, Pietro Bassil, Reem Rafei, Sara Rafihi, Stephanie Tager e Tharaa Captan.

Consulte Mais informação:
Beirute: Residência do embaixador do Brasil abre portas

Instituto Guimarães Rosa em Beirute

Visita: Seg-Sex 11h às 19h (rua Mar Mitr, edifício Trad, N. 176, Achrafieh, Beirute, Líbano)
Ligue para: +961 01 322 905

Traduzido por Guilherme Miranda

©Tharaa Captan
©Pietro Bassil

O post Beirute sedia exposição inspirada em Niemeyer apareceu primeiro em Agência de Notícias ANBA.

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *