O governo Federal lançou hoje uma nova plataforma para orientar doadores e equipes que estão prestando suporte ao Rio Grande do Sul após uma tragédia climática causada por inundações no início de maio. Chamada de Brasil Participativo, ela agrupa informações para facilitar o atendimento de vítimas, desabrigados e muito mais.

O anúncio do lançamento da plataforma foi feito pelo Ministro-Chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta, em uma publicação no X.

Segundo o portal, seus usuários encontrarão as seguintes informações no portal:

  • Agências dos Correios mais próximas para entregar doações;
  • Donativos mais necessários;
  • Alertas de riscos;
  • Monitoramento hidrológico de regiões;
  • Pagamento antecipado do Bolsa Família para os atingidos pela chuva;
  • Antecipação das restituições do imposto de renda;
  • Saque calamidade do FGTS;
  • Dados oficiais de ações do governo;
  • Isenção de pedágio para transporte de donativos;
  • Localização dos hospitais de campanha;
  • Recursos para medicamentos;
  • Acolchoamentos em abrigos;
  • Reconstrução da estrutura rodoviária.

Além disso, o portal também detalhará o perdão dos juros e a suspensão da dívida do Rio Grande do Sul com a União, gastos e renúncias do governo federal para socorrer a população gaúcha, créditos, antecipação de benefícios, prorrogação de tributos e um extrato com todos os gastos realizados durante o período de recuperação do Estado.

Apesar de muitas cidades ainda estarem destruídas pelas enchentes, a Anatel, Claro, Vivo e TIM já retomaram as comunicações em todos os municípios do Rio Grande do Sulentão uma plataforma útil para conectar e direcionar esforços para aqueles que mais precisam.



Governo Federal adia Concurso Unificado em todo o Brasil devido





Segurana
04 de maio




Todas as cidades do Rio Grande do Sul voltaram a ter sinal de internet e telefone





Segurana
15 de maio


O Brasil Participativo foi criado em 2023 com a colaboração de 34 mil pessoas em plenárias de capitais brasileiras e 1,4 milhão de participantes da plataforma para a elaboração do plano Plurianual 2024-2027. Agora ele foi adaptado para atender as necessidades do Rio Grande do Sul.

Segundo o governo Federal, esta foi a maior experiência de participação social da história em uma plataforma no Brasil. O Brasil Participativo pode ser acessado pelo link abaixo:

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *