A CBF suspendeu as próximas duas rodadas do Campeonato Brasileiro devido aos fortes alagamentos no Rio Grande do Sul.

Quinze clubes da Série A solicitaram formalmente a suspensão temporária, incluindo

  • Atlético-GO,
  • Atlético-MG,
  • Atlético-PR,
  • Criciúma,
  • Cruzeiro,
  • Cuiabá,
  • Bahia,
  • Juventude,
  • Vitória,
  • Fluminense,
  • Fortaleza,
  • Grêmio,
  • Botafogo,
  • Internacional, e
  • Vasco.

Porém, São Paulo, Palmeiras, Red Bull Bragantino, Corinthians e Flamengo não apoiaram oficialmente o pedido.

CBF suspende rodadas do Campeonato Brasileiro devido a enchentes no Rio Grande do Sul. (Foto reprodução na Internet)

A CBF consultou todos os 20 clubes participantes antes de decidir. A Federação Gaúcha de Futebol (FGF) também solicitou a suspensão, apoiando o pedido de seus clubes.

A CBF afirmou: “O esporte e a sociedade caminham juntos, principalmente em momentos difíceis para a população brasileira”.

A organização descreveu o acontecimento no Rio Grande do Sul como “catastrófico” e manifestou solidariedade às vítimas.

A suspensão afeta as rodadas 7 e 8 do Campeonato Brasileiro.

A Série A será retomada com a nona rodada, a partir de 1º de junho. As demais competições organizadas pela CBF continuarão conforme programado.

Os jogos envolvendo clubes gaúchos estão suspensos até 27 de maio.

Uma reunião do Conselho Técnico Extraordinário no dia 27 de maio discutirá detalhes técnicos da competição, inscrição de atletas e transferências.

Abordará o acesso legal a competições como Libertadores, Sul-Americana e Mundial de Clubes.

A reunião também abordará direitos de transmissão e patrocínio.

O comunicado completo da CBF enfatizou a tragédia ambiental sem precedentes que impacta milhões de pessoas no Rio Grande do Sul.

A CBF se solidarizou com cada vítima e se comprometeu a apoiar o povo gaúcho por meio de diversas ações e iniciativas.

CBF suspende rodadas do Campeonato Brasileiro devido a enchentes

Esta decisão sublinha a ligação mais ampla entre o desporto e a sociedade.

O impacto dos desastres ambientais estende-se para além das vítimas imediatas, afectando eventos e indústrias nacionais.

A suspensão temporária do Campeonato Brasileiro reflete a necessidade de ação coletiva em tempos de crise.

Ao pausar os jogos, a CBF reconhece a gravidade da situação e prioriza a solidariedade.

Esta abordagem destaca o papel das organizações desportivas na resposta aos desafios sociais e no apoio às comunidades afetadas durante tempos críticos.

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *