Doc.MIS traz edição especial como parte da programação paralelamente à exposição “Maio Fotografia no MIS 2024”

Em maio, o programa mensal Doc.MIS do Museu da Imagem e do Som (instituição da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativa do Estado de São Paulo) traz uma edição especial, como parte da programação paralela à exposição “Maio Fotografia no MIS 2024”: no dia 16, às 20h, será realizada a pré-estreia do documentário “Pantanal, barragem das águas”. O filme, dirigido por Lygia Barbosa, acompanha o trabalho do fotógrafo Luciano Candisani em sua viagem ao Pantanal. Após a sessão do Doc.MIS, haverá um debate com Lygia Barbosa, Luciano Candisani e com o advogado Pedro Saad. Os ingressos são gratuitos e devem ser retirados com uma hora de antecedência na bilheteria do museu.

Doc.MIS, programa mensal do MIS dia 16 exibe documentário “Pantanal, barreira das águas”, com debate após sessão

O Doc.MIS é um programa fixo de exibição de filmes documentários – de curta, média ou longa duração – que dialogam diretamente com temas tratados pelo MIS ou mesmo como um espaço de exibição e debates de temas relevantes da sociedade, tanto em produções nacionais quanto internacionais.

Cena do documentário “Pantanal, bacia das águas”. Imagem: divulgação

Sobre o filme

Pantanal, barreira das águas
(dir. Lygia Barbosa, Brasil, 2023, 44 min, livre)

Luciano Candisani, premiado fotógrafo e documentarista brasileiro, embarca mais uma vez para a maior barreira inundável do mundo, um ambiente que ele explora há mais de duas décadas com a missão de revelar a biodiversidade escondida sob a superfície dos rios.

Suas imagens trouxeram uma identidade visual inédita para os ecossistemas submersos do Pantanal e mostraram um elo indissociável entre o pujança da vida e o meio aquático. Mas desta vez ele enfrenta um novo desafio em sua jornada: engajar e conscientizar o mundo sobre as ameaças que pairam sobre o equilíbrio das águas que ele conhece como poucos.

A destruição em larga escala do ecossistema, provocada por diversos fatores, vem afetando severamente o fluxo de água, com perda de área úmida, uma tragédia para a fauna e pessoas que tiram o sustento dos rios e lagos da região.

Nesse cenário de secas mais pronunciadas, é o fogo que ocupa o lugar da água com queimadas sem precedentes.

O fotógrafo percorre um Pantanal muito mais seco e ameaçado, mas ainda encontra focos de resistência e esperança para o retorno do equilíbrio das águas.

Sobre os debatedores do Doc.MIS

Lygia Barbosa é cineasta com experiência de mais de 25 anos no mercado audiovisual. Já trabalhou com filmes publicitários, videoclipes, longas-metragens, como “Castelo Rá-Tim-Bum, o filme”, e séries de TV, como “20 poucos anos” (MTV Brasil), “Os caminhos de Che: um diário de motocicleta”, “Across the Amazon”, “Secret Brazil” (NATGEO Intl) e “De volta a Bikini” (Fox e Nat Geo). Também foi diretora do programa diário Zapping Zone (Disney Channel) e criou e dirigiu a série de interprogramas infantis Caco e Dado (TV Cultura e Gloob). Fez a reformatação e direção geral da nova temporada do Globo Ecologia. Assinou a direção e a produção executiva de “Laerte-se”, primeiro documentário original brasileiro da Netflix. É membro da diretoria da Liga das Mulheres pelo Oceano.

Vencedora do edital

Como vencedora do edital da KOCCA (Korea Creative Content Agency), produziu e produziu os documentários “Haenyeo – A força do mar” e “Sabores do templo, a simplicidade da cura”. Para a KBS (Korean Broadcast System), produziu “Tears from favela”, de Yun Chea Wan, além de reportagens especiais sobre os refugiados venezuelanos, o combate aos crimes fronteiriços Brasil/Paraguai, os impactos de Belo Monte e a pandemia no Brasil. É diretora da série de TV “Mar Brasil”, que traz uma jornada pelo litoral brasileiro.

Luciano Candisani é fotógrafo, velejador e mergulhador com mais de 25 anos de experiência. Desde o início da carreira, transita com naturalidade entre a ciência e as narrativas visuais. Já navegou e mergulhou em todos os oceanos para projetos de documentação e conservação. Recebeu alguns dos principais prêmios da fotografia mundial pelos seus trabalhos. É autor de sete livros e inúmeras reportagens, e vem trabalhando em parceria com institutos de pesquisa, como o Smithsonian Marine Conservation. É membro dos coletivos internacionais Sea Legacy e ILCP, que utilizam a fotografia como ferramenta para a conservação.

Pedro Saad é advogado com pós-graduação no Curso de Especialização em Administração para Graduados (CEAG), da FGV-SP, e doutorado em Administração de Empresas pela PUC-SP. Líder de ImPacto ODS17 da Rede Brasil do Pacto Global da ONU, sócio fundador e diretor da Editora Brasileira, Produtora Brasileira e do World Observatory. Tem projetos coordenados com organizações e empresas nacionais e internacionais, incluindo ONU, UNESCO, Fundação Leonardo DiCaprio, USP, FGV, PUC-SP, Deloitte, PwC, Coca-Cola, Petrobras, Itaú, Bradesco, Bloomberg, Itamaraty, Pacto Global da ONU , PNUD, Aliança Francesa e Instituto Goethe. Atua como professor da PUC-SP e é membro do Conselho Consultivo da Instituição R20 Brasil, fundado pelo ex-governador da Califórnia Arnold Schwarzenegger.

Sobre as produtos

Grama Filmes
Produtora localizada em São Paulo com mais de 10 anos no mercado audiovisual. Produziu séries e longos documentários para canais de televisão, como Nat Geo, HBO, Futura, TV Cultura, e ONGs, como a WWF. Produziu filmes publicitários e tem coproduzido com a Europa e Coreia do Sul desde 2017.

Produtora Brasileira

Empresa que atua no mercado cultural há mais de dez anos, com amplo portfólio de produções gráficas (livros) e audiovisuais (documentários e webséries) para grandes empresas, com parcerias de instituições reconhecidas, como USP e UNESCO. Tem seu fundador e CEO, Pedro Saad, nomeado pelo Pacto Global como Liderança com Impacto e porta-voz de Desenvolvimento Sustentável.

Serviço | Doc.MIS – “Pantanal, barreira das águas”

Auditório MIS | Museu da Imagem e do Som – MIS
Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
Data: 16h05, às 20h
Ingresso: gratuito (retirado com uma hora de antecedência na bilheteria do MIS)
Classificação indicativa: livre

A programação é uma realização do Ministério da Cultura, Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativa de São Paulo e Museu da Imagem e do Som, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. O MIS tem patrocínio institucional das empresas Livelo, B3, John Deere, NTT Data, TozziniFreire Advogados, Grupo Comolatti e Sabesp e apoio institucional das empresas Vivo, Grupo Travelex Confidence, PWC, Colégio Albert Sabin, Unipar e Lenovo. O apoio operacional é da Telium, Kaspersky, Pestana Hotel Group, Quality Faria Lima, Hilton Garden Inn São Paulo Rebouças, Pipo Restaurante, illycaffè e Sorvetes Los Los.

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *