Em uma disputa de pênaltis emocionante, o Fortaleza derrotou o CRB e conquistou o terceiro título da Copa do Nordeste.

O tempo regulamentar viu o CRB marcar dois gols no segundo tempo por intermédio de João Neto. A torcida do estádio Rei Pelé, no domingo (9), apoiou fervorosamente o time, mas não foi o suficiente.

O Fortaleza venceu por 2 a 0 no jogo de ida e se manteve impecável nos pênaltis, enquanto a falha de Anselmo Ramon custou caro ao CRB.

Anselmo Ramon errou o chute e mandou por cima do travessão. Lucero, Pedro Rocha, José Welison, Hércules e Pikachu do Fortaleza marcaram.

Gegê, João Neto, Hereda e Matheus Ribeiro, do CRB, marcaram, mas o gol decisivo de Pikachu selou a vitória do Fortaleza.

A jornada do Fortaleza foi tumultuada. O ônibus do time foi atacado em Recife durante a fase de grupos.

Fortaleza vence o CRB nos pênaltis e vence a Copa do Nordeste. (Foto reprodução na Internet)

Apesar disso, terminou em segundo lugar no Grupo B com duas vitórias, dois empates e quatro derrotas.

A equipe ganhou força, goleando o Altos (5 a 0) nas quartas de final, derrotando o Sport (4 a 1) nas semifinais e, por fim, superando o CRB na final.

Lutas do primeiro tempo

Logo no início, o Fortaleza perdeu Moisés devido a uma lesão na coxa e Machuca o substituiu. O auxiliar técnico Gastón Liendo foi expulso e o zagueiro Saimon saiu lesionado.

O chute de Hércules aos 19 minutos foi defendido, assim como a cobrança de falta de Pikachu. O chute à queima-roupa de Lucero quase marcou.

Fábio Alemão, do CRB, forçou grande defesa de João Ricardo. Apesar da pressão tardia, o CRB não conseguiu marcar no primeiro tempo.

Matheus Ribeiro e Gegê, do CRB, tiveram chances iniciais, mas não conseguiram marcar. O gol de João Neto aos 20 minutos emocionou a torcida.

As duas tentativas de Bruno Pacheco foram perigosas e o chute de Mike acertou na trave. João Neto marcou o segundo aos 41 minutos, provocando mais emoção.

Hereda acertou a rede lateral antes de Rossetto, do Fortaleza, ser expulso no final do jogo.

Participação e receita nas partidas

– Público pagante: 14.475
– Atendimento total: 17.762
– Receita bruta: R$ 1.054.670,00 (US$ 200 mil)

Esta vitória destaca a resiliência e a capacidade do Fortaleza de atuar sob pressão, solidificando sua posição como força dominante no futebol do Nordeste brasileiro.

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *