No dia 3 de abril, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, enfatizou a influência significativa do plano de investimentos da Petrobras nas futuras distribuições de dividendos.

Nas discussões com Rui Costa e Alexandre Silveira, Ministros da Casa Civil e de Minas e Energia, respetivamente, o foco foi na forma como as decisões de investimento orientarão o pagamento de dividendos.

Haddad explicou em entrevista coletiva que o resultado dos dividendos está diretamente ligado à execução da estratégia de investimentos da Petrobras.

A avaliação depende de saber se os recursos financeiros serão suficientes para os investimentos planeados. Um cronograma foi elaborado, mas os detalhes permanecem em segredo.

O ministro da Fazenda aguarda dados conclusivos da liderança da Petrobras. . .

Para ler as NOTÍCIAS completas e muito mais, Assine nosso Plano de Assinatura Premium. Já inscrevi? Entre aqui

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *