A Intel parece estar preparando o lançamento de uma nova linha de aceleração com baixo consumo de energia para suceder à família “Alder Lake-N”. Nesta quinta-feira (16), deixou de ser que o fabricante já possua um modelo em fase de testes chamado de “Intel N250”, que poderia ser uma pequena atualização do Intel N200, lançado em 2023.

O vazador InstLatX64 é uma máquina de testes da Intel que possui um processador com o nome de Intel N250. O modelo pertence a uma linha de produtos tratados internamente pelo codinome “Twin Lake”, no entanto, os dados sugerem que esse CPU será apenas uma “atualização” da família Alder Lake-N. Veja nas capturas de tela abaixo:

Os códigos específicos mostram que o Intel N250 é equipado com uma CPU de apenas 4 núcleos e conta com 4 threads, portanto, não oferece suporte para hyperthreading. Isso sugere que ele é formado pelos núcleos da categoria “E” da Intel, que são caracterizados pela falta de suporte para múltiplos threads e clock limitados.

Considerando que esse modelo fará parte de uma simples atualização da família Alder Lake-N, é possível deduzir que a microarquitetura de seus núcleos continuará sendo a “Gracemont”, tecnologia que é utilizada em vários chips da Intel desde 2021 — incluindo o Core de 12ª geração (Alder Lake), 13ª geração (Raptor Lake) e 14ª geração (Raptor Lake Refresh).

Outra concepção do Intel N250 que pode ser encontrada na máquina do fabricante é o clock de 1,2 GHz, ou seja, estamos falando de um pequeno aumento de 200 MHz em comparação com o Intel N200. Sua baixa frequência reforça que estamos falando de um processador cujo foco é economizar energia e, possivelmente, operar sem um ventilador.

A Intel não divulgou nenhum detalhe sobre o possível lançamento de uma nova linha de chips de baixo consumo, mas caso os rumores sejam verdadeiros, é possível que o Intel N250 ganhe espaço no mercado equipando notebooks básicos e mini PCs.

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *